sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Sem acordo com o governo, delegados do RN entram em greve por tempo indeterminado

Os delegados da Polícia Civil do Rio Grande do Norte decidiram, no início da tarde desta quinta-feira (22), entrar em greve por tempo indeterminado. Os profissionais, que já estavam em "estado de greve", realizaram assembleia entre a manhã e a tarde de hoje e decidiram suspender os serviços.

A Adepol diz que a pauta de reivindicações diz respeito exclusivamente às condições de trabalho e ao funcionamento da Polícia Civil no Estado. Segundo os delegados, os cortes nos investimentos estão inviabilizando o funcionamento das delegacias.  Além disso, os profissionais também cobram a criação da Divisão de Homicídios, que implica na convocação de 80 policiais civis para o qual existe, segundo a comissão de delegados, verba disponível por meio do programa Brasil Mais Seguro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário